LUANDA: MPLA terá investido 44 milhões de kwanzas para corromper militantes da UNITA

Partilhe

Últimas informações que a equipa do Factos Diários teve acesso, Kawikh da Costa e Domingos Pedro, ambos antigos militantes da UNITA, terão trabalhado sob orientação do 1º Secretário do MPLA em Luanda Bento Bento para apresentar pelo menos 450 militantes.


Por Isidro Kangandjo

De acordo com o Secretário Municipal de Mobilização da UNITA no Kilamba Kiaxi, Nkololo Manuel, nas reuniões efectuadas entre os camaradas e mandatários, o áudio em nossa disposição, revela que o número de militante seria repartidos em três onde o Kilamba Kiaxi traria 150 militantes, Cacuaco 150 militantes e Icolo e Bengo traria o igual número.

Com objectivo de não colocar em perigo os militantes, o município do Kilamba Kiaxi terá preenchido os três mini-Autocarros com os simpatizantes recolhidos nas ruas em troca de dois mil kwanzas. De acordo com a gravação secreta, Kawikh junto um mandatário do secretário provincial do MPLA em Luanda, garantiram disponibilizar em cada secretário municipal 4 milhões de kwanzas enquanto Nkololo Manuel teria uma comissão de sete milhões de kwanzas e o somatório é de 22 milhões de kwanzas.

O valor disponibilizado aos supostos militantes da UNITA vindo de Cacuaco,a nossa equipa não teve acesso dos dados, porém, a outra equipa do Icolo e Bengo terá recebido por completo os outros 22 milhões de kwanzas.

 Como a UNITA consegue flagrar e resgatar o seu militante com os 22 milhões de kwanzas?

Numa altura em que estava a se preparar para a realização de uma conferencia de imprensa que visa esclarecer assuntos em torno do líder da UNITA, secretário Provincial da UNITA, Nelito da Costa Ekwikwi, teve uma saída rápida junto com a equipa de dois órgãos, onde o Factos Diários esteve enquadrado com o destino ao campo da Cidadela, posto ao local, através do telefonema, foi possível efectuar uma paragem de apenas sete segundo.

O militante, numa velocidade de emergência, foi levado até a SOVSMO onde manteve uma conversa rápida com os membros do órgão de decisão do partido UNITA. Os valores em posse, Nkololo saiu com ele no autocarro quando eram perto de 12 horas.

Quando eram 11 horas, mais de 9 autocarros estiveram lotados com supostos militantes da UNITA, concentrados no campo da Cidadela cujo orientação vem do MPLA sob liderança supostamente de Kawikh da Costa.

MPLA É APONTADO DE TER RECEBIDO FALSOS MILITANTES

Numa conversa exclusiva com o secretário da UNITA em Luanda, Nelito Ekwikwi confirmou que não foi possível resgatar todos, mas que conseguiram, pelo menos, a prova que tem levado muitos militantes a criticar a liderança de Adalberto Costa Júnior, Presidente da UNITA.

Os cidadãos e alguns militantes que o político Kawikh apresente ao Nelson Funete, 2º secretário do partido MPLA em Luanda, vieram de Cacuaco e Icolo e Bengo. A sala de conferência dos camaradas, estava preparada para receber os militantes e Bento Bento é apontado de ter preparado a recepção dos jovens. “O MPLA recebeu aqueles que queriam participar numa actividade recebendo dois mil kwanzas. Aqueles que foram apresentados, 96% não fazem parte da UNITA, fizemos a mania de chamar os jovens em troca de dois mil kwanzas para não colocarmos os nossos militantes em perigo”, disse Nkololo.

VALORES QUE SERVIRAM PARA CORROMPER MILITANTES DA UNITA SERÃO DEPOSITADOS NA CONTA ÚNICA DO TESOURO

Quem lamentou a atitude do MPLA é o Secretário-Geral da UNITA, Dr. Álvaro Tchikwamanga Daniel que considera uma ofensa ao povo angolano a desperdiço de dinheiro para comprar a consciência dos militantes da UNITA numa altura em que o país atravessa momentos difíceis. Questionado sobre o tratamento do valor, Secretário-Geral dos Maninhos esclareceu que os valores, por não fazer parte do partido, serão depositados na Conta Única do Tesouro e garante uma responsabilização criminal.

Álvaro Tchikwamanga, pediu às autoridades angolanas a máxima segurança do político Nkololo Manuel para que nada aconteça com ele e a sua família. “Nós vamos acompanhar todo o processo e qualquer coisa que acontecer com o nosso militante, já sabemos que indicar, por isso, se for para pedir audiência com o Ministro do Interior tudo faremos para exigir a protecção do jovem militante”, rematou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »