Agostinho Kamuango lamenta a vida difícil da população da Baixa de Cassange em Viana

Partilhe

O Secretário-Geral da Juventude Unida Revolucionária de Angola, Agostinho Kamuango, procedeu na tarde deste Domingo, 9, uma visita de campo no bairro da Baixa de Cassange, município de Viana em Luanda, visando a constatação da vida das populações daquela zona.

Por Redacção Factos Diários

Agostinho Kamuango, que se fez acompanhar da Brigada de Mobilização Especial (BME), um projecto de mobilização do seu partido e dos membros do comité nacional da JURA, reconheceu que os problemas constados como, a falta de água potável, energia eléctrica e a cesta básica, a sua resolução dependerão da realização das eleições autárquicas.

“As autarquias serão muito importantes para o país visto que o poder é descentralizado e a governação será de proximidade com o cidadão”, esclareceu.
Durante a conversa com os munícipes, o líder do braço juvenil da UNITA, acusou o partido no poder de adiar as eleições autárquicas sob pretexto da Covid-19.
“O MPLA não quer realizar as autarquias por causa da Covid-19, mas essa pandemia não está somente aqui em Angola, está em todo mundo, os outros pais vão realizar as autarquias ainda cito com exemplo o Moçambique que agendou para outubro, rematou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »