A Huawei inaugura o seu maior Centro Global de Transparência de Segurança Cibernética e Proteção de Privacidadena na China

Partilhe

A Huawei inaugurou o seu maior Centro Global de Transparência de Segurança Cibernética e Proteção de Privacidade no dia 09, em Dongguan, China, com representantes da GSMA, SUSE, British Standards Institution e reguladores dos Emirados Árabes Unidos e Indonésia, falando na cerimónia de abertura. A Huawei defende a construção de capacidade em toda a indústria, partilha de conhecimento e alianças mais estreitas


Por Redação do Factos Diários

Em simultâneo com a abertura do novo centro, a Huawei também lançou o seu Product Security Baseline, marcando assim, a primeira vez em que a empresa tornou a sua estrutura de linha de base de segurança de produto e práticas de gestão disponíveis para a indústria como um todo. Tais acções são parte dos esforços mais amplos da empresa a fim de se aproximar ainda mais dos clientes, fornecedores, organizações padrão e outras partes interessadas, para fortalecer a segurança cibernética em todo o sector.

” A segurança cibernética é mais importante do que nunca “, afirmou Ken Hu, presidente rotativo da Huawei, na abertura do centro de Dongguan. ” Como indústria, precisamos de trabalhar juntos, compartilhar as melhores práticas e construir as nossas capacidades colectivas em governança, padrões, tecnologia e verificação. Precisamos de dar ao público em geral e aos reguladores um motivo para confiar na segurança dos produtos e serviços que usam diariamente. Juntos, podemos encontrar o equilíbrio certo entre segurança e desenvolvimento num mundo cada vez mais digital.”

Ken Hu, presidente rotativo da Huawei, discursa na inauguração do Centro Global de Transparência de Segurança Cibernética e Proteção de Privacidade da Huawei em Dongguan, China

Nos últimos anos, a digitalização da indústria e novas tecnologias como 5G e IA tornaram o ciberespaço mais complexo do que alguma vez antes, situação agravada pelo facto de que as pessoas têm passado uma maior parte das suas vidas online durante a pandemia COVID-19. Tendências que levaram a um aumento de novos riscos de segurança cibernética.

A Huawei instaurou o novo Centro Global de Transparência de Segurança Cibernética e Proteção de Privacidade em Dongguan para resolver estes problemas, fornecendo uma plataforma para que as partes interessadas da indústria compartilhem experiência em governação cibernética e trabalhem em soluções técnicas em conjunto. O centro foi projectado com o objectivo de apresentar soluções e compartilhar experiências, facilitar a comunicação e inovação conjunta e apoiar testes e verificações de segurança. O mesmo estará à disposição de reguladores, organizações de teste terceirizadas independentes e organizações padrão, bem como clientes, parceiros e fornecedores da Huawei.

Para promover uma abordagem unificada à segurança cibernética na indústria de telecomunicações, organizações como GSMA e 3GPP também têm trabalhado com as partes interessadas da indústria para a promoção das especificações de garantia de segurança NESAS e certificações independentes. Estas bases tiveram ampla aceitação na indústria e, desempenharão um papel importante no desenvolvimento e verificação de redes seguras.

Mats Granryd, Director Geral da GSMA, dissertou na inauguração do novo centro da Huawei. “A entrega de serviços existentes e novos na era 5G dependerá fortemente da conectividade fornecida pelas redes móveis e, crucialmente, da tecnologia subjacente ser segura e confiável,” o mesmo reforçou. “Iniciativas tais como a GSMA 5G Cybersecurity Knowledge Base, projectada para ajudar as partes interessadas a compreender e mitigar riscos de rede, e NESAS, uma estrutura de garantia de segurança em todo o sector, respectivamente, são projectadas para possibilitar melhorias a nível de segurança de equipamentos de rede em todo o sector.”

No evento, a Huawei lançou também o seu Product Security Baseline, o culminar de mais de uma década de experiência em gestão de segurança de produto, incorporando uma ampla gama de regulamentações externas, padrões técnicos e requisitos regulamentares. A Base, associada a outros mecanismos de governança da Huawei, ajuda a garantir a qualidade, segurança e confiabilidade dos produtos da empresa.

Ao longo dos anos, a Huawei construiu mais de 1.500 redes que conectam mais de três bilhões de pessoas em 170 países e regiões. Nenhuma delas teve um grande incidente de segurança.

“Esta é a primeira vez que compartilhamos a nossa estrutura de linha de base de segurança com toda a indústria e, não apenas com os principais fornecedores “, garantiu Sean Yang, Director do Escritório Global de Segurança Cibernética e Proteção de Privacidade da Huawei. “Queremos convidar todas as partes interessadas, incluindo clientes, reguladores, organizações de padrões, provedores de tecnologia e organizações de teste, a juntarem-se a nós na discussão e no trabalho em linhas de base da segurança cibernética. Juntos, podemos melhorar continuamente a segurança do produto em toda a indústria.”

No momento, o sector ainda carece de uma abordagem coordenada e baseada em padrões, especialmente quando se trata de governança, capacidades técnicas, certificação e colaboração.

“O risco de segurança cibernética é uma responsabilidade compartilhada “, concluiu Ken Hu no seu discurso de abertura.” Governos, organizações padrão e provedores de tecnologia precisam de trabalhar juntos para desenvolver um entendimento unificado dos desafios de segurança cibernética. Este deve ser um esforço internacional. É importante definir metas compartilhadas, alinhar responsabilidades e trabalhar juntos para a construção de um ambiente digital confiável, que atenda aos desafios de hoje e de amanhã.”

 

Sobre Huawei

 

Fundada em 1987, a Huawei é fornecedora líder global de infraestrutura e dispositivos inteligentes de tecnologia da informação e comunicação (ICT). Temos mais de 197.000 funcionários e operamos em mais de 170 países e regiões, atendendo a mais de três bilhões de pessoas em todo o mundo.

Nossa visão e missão é levar o digital a todas as pessoas, lares e organizações para um mundo totalmente conectado e inteligente. Para este fim, iremos impulsionar a conectividade ubíqua e promover igual acesso às redes; leve a nuvem e a inteligência artificial a todos os quatro cantos da Terra para fornecer potência de computação superior onde e quando você precisar; construir plataformas digitais para ajudar todos os setores e organizações a se tornarem mais ágeis, eficientes e dinâmicos; redefina a experiência do usuário com IA, tornando-a mais personalizada para pessoas em todos os aspectos de suas vidas, seja em casa, no escritório ou em trânsito.

Para obter mais informações, visite Huawei online em www.huawei.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »