“Que tipo de multilateralismo o mundo precisa? Responde presidente chinês

Partilhe

“O mundo tem questões complexas. A solução é salvaguardar e implementar o multilateralismo e promover em conjunto a comunidade de futuro compartilhado da humanidade”.


Por Redação do Factos Diários

Tal afirmação foi feita pelo presidente chinês, Xi Jinping, em seu discurso proferido na reunião da Agenda de Davos do Fórum Econômico Mundial. Ele respondeu de forma sistemática a pergunta: De que tipo de multilateralismo o mundo precisa?

Há quatro anos, Xi Jinping focou na globalização econômica no seu primeiro discurso em Davos. Desta vez, a palavra-chave do discurso é multilateralismo, uma solução chinesa formulada pelo líder chinês para a humanidade. Ele explanou seu conceito de quatro aspectos: reforço da coordenação de políticas macroeconômicas, abandono de preconceito ideológico, superação de lacuna de desenvolvimento entre países desenvolvidos e em desenvolvimento e combate conjunto aos desafios globais.

Xi Jinping enfatizou que a essência do multilateralismo consiste em diálogo entre todas as partes, princípio do líder supremo da China ao lidar com assuntos internacionais, o qual a eficácia já foi comprovada na prática.

“Devemos insistir na abertura e inclusão e abandonar o fechamento e exclusivismo, além de respeitar a lei internacional e não praticar o individualismo; devemos também insistir no diálogo e cooperação e não se envolver em conflitos, e ainda avançar com os tempos e não ser complacentes”, Xi Jinping explicou o que se deve ou não fazer ao explanar a essência do multilateralismo, o que comprova a avaliação do secretário-geral da ONU, António Guterres, de que a China já se tornou um pilar importante do multilateralismo.

Atualmente, estão em ascensão muitos tipos de “pseudo-multilateralismos”, por exemplo, envolver-se na política de grupos sob o pretexto do multilateralismo, impôr suas próprias regras à comunidade internacional usando-o como desculpa ou ideologizá-lo para atacar países específicos. Xi Jinping disse que o multilateralismo não deve ser usado como pretexto para atos de unilateralismo e que o multilateralismo seletivo não deve ser nossa opção.

Para defender o multilateralismo, a China tem tanto opiniões como também ações. O presidente chinês anunciou uma série de medidas no discurso, incluindo participar ativamente da cooperação internacional contra a pandemia, aplicar a estratégia de abertura de ganha-ganha, promover o desenvolvimento sustentável, a inovação tecnológica e a criação de novas relações internacionais.

 

Chinese President Xi Jinping speaks during a joint press conference with the Greek Prime Minister following their meeting at the Maximos Mansion in Athens on November 11, 2019, as part of his two-day official visit to Greece. (Photo by Aris MESSINIS / AFP)

Cada opção e cada ação que nós fazemos hoje decidirá o futuro do mundo, disse o presidente. A China, dedicada à construção de uma comunidade de futuro compartilhado, é uma força firme que empurra a humanidade rumo ao caminho certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »