Angola conta com a 1ª Academia de Liderança Comunitária

Partilhe

Foi apresentado, oficialmente, no último dia do mês de Outubro a primeira Academia de Liderança Comunitária em Angola, uma iniciativa conjunta dos projectos sociais “Juntos Podemos Mover Angola” (JPMA) e “Associação para Mulheres e Crianças” (AMC). A “Academia de Liderança Comunitária” tem como objectivo principal apoiar o processo de empoderamento de jovens, em matérias de acções Comunitárias, de género e de empreendedorismo social, em todo o território nacional e numa escala gradual e sensível ao género.


Por Isidro Kangandjo

Falando ao Factos Diários, Isildo Tito Marques, CEO e fundador da Academia de Liderança Comunitária (ALC), fez saber que o projecto tem como objectivo empoderar a juventude, oferecer instrumentos para responder de forma efeciente as complexidades comunitárias. Director geral do projecto, afirmou categoricamente que a academia não tem nenhum braço de ferro por detrás e é, na íntegra, uma iniciativa de jovens que muito querem ajudar no desenvolvimento do país.

Isildo Tito Marques CEO
Isildo Tito Marques, CEO

“A Academia de Liderança Comunitária não está aliada a nenhuma organização partidária nem religiosa, sendo, sim, um projecto criado a partir da organização da sociedade civil, ou seja, é uma junção de forças entre as organizações acima referidas”, disse.

ficou a garantia academia não tem quaisquer entraves em trabalhar ou colaborar com outras organizações interessadas que queiram usufruir das suas formações. “A missão chave da Academia de Liderança Comunitária é de empoderar a juventude, missão esta que surgiu de uma problemática resumida no fraco envolvimento da juventude em questões comunitárias, bem como no interesse na construção de uma nova camada de líderes que venham a ser motivo de orgulho do país”, disse.

De acordo com Isildo, A oportunidade surgiu, após a participação de seus membros no programa YALI/Iniciativa de Liderança da África Austral na África do Sul, através da acção combinada entre o YALI, USAID, Fundação Nelson Mandela, Mast Card e a Universidade da África do Sul (UNISA).

De informar que já foram lançados os cursos ligados ao empreendedorismo e Organização para acção Comunitária a ter lugar na mediateca Zé Dú, onde o público alvo será activistas sociais, líderes cívicos, líderes das organizações não governamental, estudantes e interessados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »